Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Você está em:   IGF Modelos de documentos Petição Família Contestação em execução de alimentos, requerendo o alimentante o pagamento dobrado de quantia indevidamente pleiteada, por já paga

Petição - Família - Contestação em execução de alimentos, requerendo o alimentante o pagamento dobrado de quantia indevidamente pleiteada, por já paga


 Total de: 15.244 modelos.

 
Contestação em execução de alimentos, requerendo o alimentante o pagamento dobrado de quantia indevidamente pleiteada, por já paga.

 

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA ..... VARA DE FAMÍLIA DA COMARCA DE ....., ESTADO DO .....

AUTOS Nº .....

....., brasileiro (a), (estado civil), profissional da área de ....., portador (a) do CIRG n.º ..... e do CPF n.º ....., residente e domiciliado (a) na Rua ....., n.º ....., Bairro ....., Cidade ....., Estado ....., por intermédio de seu (sua) advogado(a) e bastante procurador(a) (procuração em anexo - doc. 01), com escritório profissional sito à Rua ....., nº ....., Bairro ....., Cidade ....., Estado ....., onde recebe notificações e intimações, vem mui respeitosamente à presença de Vossa Excelência apresentar

CONTESTAÇÃO

à ação de alimentos proposta por ......., pelos motivos de fato e de direito a seguir aduzidos.

DOS FATOS

Inicialmente cumpre-nos informar e comprovar através dos documentos acostados que o Executado NÃO DEVE NENHUM VALOR A TÍTULO DE PENSÃO ALIMENTÍCIA AOS MENORES, ou seja, os meses constantes no DEMONSTRATIVO DE DÉBITO EM ANEXO, foram pagos através de depósito em Conta Corrente da Genitora, bem como os demais meses até a presente data foram depositados, senão vejamos:

MESES RECLAMADOS:

Dezembro/..... - R$ ..... (Doc. 01 em anexo - comprovante de depósito)

Maio/ ...... - R$ ......... (Doc. 02 em anexo - comprovante de depósito)

Fevereiro/...... - R$ .... (Doc. 03 em anexo - comprovantes de depósito e Notas Fiscais de compras de Roupas, que fora assim requerido pela GENITORA, quando o Pai passou férias com os menores)

Pelos documentos acostados, está comprovado que os meses acima descritos e que são objeto da presente Execução, ESTÃO PAGOS, bem como os demais meses até a presente data.

Os meses de Dezembro/..... e Maio de ........., foram pagos na integralidade (R$ ....... cada mês) , e o mês de Fevereiro de ....., tendo em vista que o Pai, iria gozar das Férias com os menores (15 dias), em telefonema da GENITORA PARA O GENITOR a mesma expôs que tendo em vista que estaria sem a obrigação financeira com os menores (alimentação, lazer, etc...), e portanto seriam reduzidos os gastos com os menores, e os mesmos estavam necessitando comprar Roupas de Verão, Tênis, além de alguns brinquedos que desejavam, pedia para que o GENITOR COMPRASSE O QUE AS CRIANÇAS NECESSITAVAM E DESCONTASSE DA PENSÃO DAQUELE MÊS, e fora assim que aconteceu, consoante demonstram as NOTAS FISCAIS ACOSTADAS, resultando num depósito de R$ ..........., em atendimento ao pedido da GENITORA.

DO DIREITO

Pelo exposto está comprovado de que o Executado está sendo vítima de uma dolência inqualificável, quando chamado em juízo para pagar o que não deve, pois está clara a INEXIBILIDADE DA DÍVIDA, tratando-se de mais uma demonstração de má-fé da requerente, que sempre teve do Executado todo o auxílio financeiro possível para o pagamento das despesas básicas dos menores, bem como em oportunidades que se fizeram necessários, o GENITOR efetiva o pagamento das Consultas médicas, Dentista do Menor ........, extras que a mãe alega necessário, como R$ ...... que foram entregues a GENITORA no escritório dos seus procuradores em Abril/........, além de constantemente comprar Roupas e brinquedos para os menores. A autora agiu de MÁ-FÉ, devendo devolver em dobro a quantia já paga pelo alimentante.

DOS PEDIDOS

Demonstrada, portanto, a má-fé da requerente na presente Execução de QUANTIA JÁ PAGA, requer a devolução "em Dobro" dos valores cobrados e JÁ PAGOS, e ainda que seja a requerente condenada ao pagamentos das custas processuais e honorários advocatícios, invocando-se o caráter inibidor de futuras proposituras sem objeto e exaltando-se o respeito a Justiça.

Nesses Termos,
Pede Deferimento.

[Local], [dia] de [mês] de [ano].

[Assinatura do Advogado]
[Número de Inscrição na OAB]


Veja mais modelos de documentos de: Petição - Família
Trata-se de pedido de destituição de poder familiar devido ao fato de a genitora ter dependência
Alvará judicial para venda de bem imóvel de menor
Ação de divórcio direto litigioso (06)
Pedido de homologação de dissolução de união estável, com indenização por serviços prestados
Pedido de autorização judicial a menor, para realização de viagem ao exterior
Ação de investigação de paternidade com pedido de exame de DNA
Ação de reconhecimento de união estável, cumulada com partilha de bens ou indenização
Impugnação aos embargos do devedor por intempestivos, alegando-se ainda o dever do alimentante de
Restabelecimento de sociedade conjugal após separação judicial
Pedido de anulação de casamento, sob alegação de erro essencial sobre a pessoa do cônjuge
Pedido de homologação de acordo de guarda, direito de visita e alimentos
Ação de separação judicial consensual (01)