Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Assuntos

Total de artigos: 11132
    

 

 

Saúde - Artrite reumatóide (AR) tem maior incidência entre as mulheres 

Data: 04/07/2007

 
 

A artrite reumatóide (AR) é uma doença degenerativa caracterizada pela inflamação e deformidade das articulações, tornando-as rígidas, dificultando os movimentos e afetando diretamente a qualidade de vida dos indivíduos acometidos. A enfermidade acomete 1% da população, incluindo idosos e crianças. Mas as mulheres entre 35 e 50 anos são as mais atingidas, totalizando 70% dos pacientes. A cada quatro pacientes, três são do sexo feminino, sendo um dos exemplos mais famosos o da atriz norte americana, Kathleen Turner.

Sabe-se que o processo de inflamação tem origem em uma disfunção do sistema imunológico, que passa a atacar as articulações dos pacientes. O evento biológico específico que dá início a essa alteração, no entanto, ainda não é uma certeza. Alguns pesquisadores suspeitam, por exemplo, que algum estímulo externo, como infecções comuns por vírus ou bactérias, seja capaz de desregular o sistema imunológico em pessoas já propensas a apresentar o problema.

"Dor, inchaço, rigidez matinal nas articulações, incluindo dos dedos das mãos, pés, punhos, joelho, quadris, cotovelos e tornozelos, quando ocorrem simetricamente, ou seja, dos dois lados do corpo, são sintomas importantes", afirma Dr Morton Scheinberg, clinico e pesquisador em Reumatologia do Hospital Albert EInstein. "Além disso, a AR também provoca perda de peso, fraqueza e depressão. Trata-se de uma doença crônica, que ataca os tecidos, especialmente o que reveste e protege as articulações", explica o especialista.

Em alguns casos da doença, pode ocorrer a formação de pequenos "caroços" embaixo da pele. Chamados de nódulos reumatóides, também podem surgir ao redor dos olhos (uveíte) e nos pulmões (pneumonite). Além disso, a AR ocasiona outras neuropatias e sintomas gerais, como cansaço e febre. Devido às características da doença e na medida em que a inflamação das articulações progride para a deformidade definitiva das mãos e outras juntas, em 10 anos, 17% dos pacientes necessitam de próteses nas grandes articulações.[14]

Custo e impacto na qualidade de vida
Além das conseqüências físicas e para a saúde, a AR compromete a qualidade de vida e a execução de atividades normais do dia a dia, como vestir-se, alimentar-se, andar, subir escadas, pentear-se e escrever, sendo necessária a ajuda permanente de membros da família ou outros cuidadores para estas atividades. Por essa razão, a doença possui, também, um sério impacto econômico na vida dos pacientes. De acordo com as estimativas feitas por especialistas, até 37% dos pacientes ficam incapazes em um período de dois anos da doença. No período de 10 anos, esse índice aumenta para 50%.



 
Referência: SEGS.com.br
Aprenda mais !!!
Abaixo colocamos mais algumas dicas :

Assunto:Perguntas:
Modelos de documentosAviso Prévio do Empregador para dispensa de Empregado I
Finanças pessoaisA pressão dos amigos e o consumo
AluguelFiador e avalista: entenda as diferenças entre estas duas formas de garantia
Defenda-seFraudes: Os falsos sites dos bancos e as promoções via e-mail (phishing)
Investimentos / FundosDicas importantes na escolha e monitoramentodo seu Fundo de Investimento
Carreira / EmpregoMelhorando o ambiente de trabalho: antipatia X empatia
Empréstimo / FinanciamentoFinanciar compras no banco costuma ser mais barato que na loja
LeisNovo Código Civil ? Lei nº 10.406 de 10/1/2002 (Parte Especial) »»» Livro I - Do Direito Das Obrigações »»» Título II - Da Transmissão das Obrigações
Finanças pessoaisAdora comprar cosméticos? Aprenda algumas dicas para não estourar seu orçamento
SaúdePlanos de saúde: saiba como proceder com os novos procedimentos cobertos